dezembro 24, 2014

Espírito natalino

espírito natalino

Com ou sem religião, no natal as pessoas se sentem diferentes. O espírito natalino parece não excluir ninguém. No entanto estes sentimentos, que têm uma origem comum, afetam de forma diferente às pessoas, fazendo com que algumas estejam felizes e outras tristes.

Apesar da felicidade ou tristeza normalmente estar associada à presença ou ausência de alguém importante, no caso das pessoas que estão em tratamento de fertilidade, o natal e principalmente o fim de ano marca mais um ano que passa sem que a gravidez tenha chegado. Por isso mesmo é preciso prestar atenção na perspectiva que cada um está dando à sua situação, pois sempre faltará alguém ou algo na vida e por isto o melhor é curtir a presença daqueles que estão ou o simples fato de existir e estar vivo, que não é pouco. Quem sabe você está vivendo este ano o último ano antes da chegada de um novo membro à família? Isto também é um momento especial que merece ser aproveitado.

A magia do natal está no amor e para manter o amor ao máximo, perdoamos e pedimos perdão. A Reconciliação está em alta. Muitos vão além e realizam ações solidárias ou apoiam instituições que ajudam os mais necessitados.

Este ano, quando olhamos para todas as pessoas que conseguimos ajudar a realizar seu sonho de ter filhos e todas aquelas que continuam conosco lutando, sentimos que temos um papel importante na sociedade. Em 2014 a medicina reprodutiva continuou evoluindo e as pesquisas sobre reprodução humana avançaram ainda mais, permitindo, por exemplo, que casais identifiquem através de um exame de sangue possíveis doenças genéticas de seus futuros filhos com o exame TCG 549. Na área de investigação do IVI foram dados passos importantes para identificar o momento mais receptivo para endométrio receber o embrião, tratar os ovários policísticos e, além disso, recebemos prêmios que reconhecem nosso trabalho investigativo durante os principais encontros de Reprodução Humana no Mundo, que são os Congressos ESHRE (Sociedade Europeia de Reprodução Humana e Embriologia) e ASRM (Sociedade Americana de Medicina Reprodutiva). Podemos dizer que no IVI sentimos imensa gratidão pela confiança e reconhecimento que recebemos.

Cada pessoa no fundo sabe que sempre pode fazer mais e sempre pode fazer melhor. No IVI também pensamos assim, mas neste natal e fim de ano, vamos simplesmente celebrar e ser grato pela vida do jeito que ela está e incorporar o espírito natalino.

Permita-se! Você merece ser feliz!

Solicite a sua primeira consulta:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Voltar ao topoarrow_drop_up